Quanto custa a internação de um dependente químico?

Você sabe quanto custa a internação de um dependente químico? descubra quanto custa e os tipos de internação que existem na atualidade.

Já parou para pesquisar quanto custa a internação de um dependente químico e como escolher a melhor clínica? Pois bem, vamos te ajudar com isso.

Primeiramente, sabemos que é bastante verdade que a internação de um indivíduo com dependência química pode sair bem caro, mas é um serviço mais que necessário para trazer de volta uma pessoa para a sociedade.

Ou seja, estamos falando de um tratamento que pode simplesmente mudar a vida de uma pessoa, fazendo com que ela venha o seu bem-estar novamente.

Sendo assim, por esse motivo vamos te dar algumas dicas sobre como escolher da forma correta uma clínica e quanto pode chegar o valor da internação.

Até porque, é um tratamento caro, mas seguindo os passos corretos, você pode conseguir preços melhores.

Além disso, vale citar que citaremos também quanto custa a internação de um dependente químico nos tempos de hoje.

Portanto, se você se interessou, continue lendo esse post que vamos te explicar tudo a respeito de quanto custa a internação de um dependente químico.

Como escolher uma boa clínica de recuperação

Antes de pensar nos valores, você deve ter bem esclarecido se o paciente que vai ingressar na clínica de internação precisa de um tratamento ou de outro.

Você deve saber com a ajuda de um médico, qual é a situação real do paciente e do que exatamente ele precisa buscar em uma clínica para dependentes químicos.

Então, depois de ter isso em mente, você deve fazer buscas minuciosas para encontrar a melhor clínica e que realmente atenda às suas necessidades.

Sendo assim, procure depoimentos de pacientes antigos, informações na internet ou melhor, se possível, visite o local. Esses tipos de verificações são bastante importantes para averiguar a qualidade do serviço.

Veja se o estabelecimento tem uma boa infraestrutura que possa oferecer o tratamento ideal para o paciente sem qualquer problema, além disso, busque conhecer os médicos que trabalham no local.

Assim você terá mais segurança ao contratar uma internação. Basta pesquisar e negociar o melhor valor para internar o paciente.

Como funciona uma clínica para dependentes químicos

A clínica visa tirar a necessidade do corpo do paciente de ingerir qualquer tipo de substância que cause a dependência do organismo.

Para isso, é necessário criar uma série de hábitos e tirar pouco a pouco a necessidade do organismo de ingerir aqueles produtos de forma natural.

Sendo assim, a clínica é como se fosse um recomeço para o paciente se purificar e começar uma vida nova por assim dizer.

Tudo que o paciente vive dentro da clínica é pensado para levar até ele uma rotina renovada com bons hábitos. Nesse sentido, a clínica oferece diversos tipos de tratamentos para os dependentes químicos.

Sendo assim, a clínica para dependentes químicos promove a desintoxicação, conscientização e reassociação do indivíduo na sociedade.

Desintoxicação:

Na realidade, é impossível tirar as drogas e substâncias químicas de um indivíduo de forma extrema e radical, pois no caso de você tirar algo que o corpo dele se acostumou a usar, ele pode sofrer sérias consequências.

Sendo assim, o paciente passa pelo processo de desintoxicação. Esse processo tem como objetivo retirar e acabar com a rotina de uso de produtos químicos ao poucos e naturalmente.

Primeiro as doses vão diminuindo até que o corpo se recorde da natureza anterior, quando não precisava dos produtos químicos para funcionar.

Esse processo dura até que o paciente esteja estável, e consiga passar o tempo sem usar as drogas normalmente.

Conscientização:

Logo após esse processo, começa um novo ciclo na vida do paciente. Onde ele aprende novamente oque ele consegue fazer sem os produtos químicos e como ele pode viver.

Nesse sentido, ele cria dentro da mente um proteção que faz com que ele saiba novamente que não deve utilizar novamente os produtos, pois só fazem mal.

Esse é o processo que encaminha o paciente para a reassociação e o entro com a sociedade, quando ele tem seus valores estabelecidos e seus pensamentos colocados em ordem.

Reassociação:

Portanto, depois de passar por todos esses processos, o paciente é recolocado na sociedade aos poucos de forma inclusa.

Assim ele pode colocar tudo o que aprendeu e vivenciou no dia a dia de forma natural. Assim ele verá que realmente o tratamento e todas as coisas da nova rotina dele, podem fazer com que seu corpo responda corretamente.

Além disso, com ajuda de programas sociais, os ex-dependentes são realocados no mercado de trabalho para serem autossuficientes.

Quanto tempo um dependente químico passa em uma clínica

Na maioria dos casos, o tratamento completo para um dependente químico gira em torno de 60 a 180 dias de tratamento, oque daria de 2 a 6 meses.

Esse tempo é calculado de acordo com o tratamento e o grau de gravidade da situação. Além disso, devemos frisar que tudo depende da situação do paciente. E, também, do tipo de tratamento que será aplicado.

Nesse caso, cada processo do tratamento deve ser realizado de forma efetiva e completa. Assim, você garante a completa saúde do paciente que vai receber o tratamento.

Afinal, quanto custa a internação de um dependente químico?

Quando o assunto é clínica para dependentes químicos, existe uma faixa de preço que determina o valor de uma internação.

Geralmente, os valores praticados pelo mercado para realizar uma internação começam  em R$600 e vão até R$8 mil. No entanto, isso depende de alguns fatores determinantes para fixar o preço:

  • Tipo de tratamento;
  • Tipo da internação;
  • Qual clínica você escolheu;
  • Infraestrutura do local;
  • Tempo de tratamento.

Tudo isso influencia no preço final. Portanto, torna-se essencial verificar e analisar a situação do paciente para conseguir o melhor preço, . Além disso, verifique o local de internação.

Pois ele deve oferecer todas as condições de tratamento que o paciente precisa para passar por todas as etapas de tratamento de forma efetiva e completa.

Vale a pena pagar tão caro?

A realidade atual de quanto custa a internação de um dependente químico está acima do normal, e sobre as clínicas de internação não é diferente.

No entanto, devemos entender que uma pessoa que é dependente química, não consegue se cuidar e muito menos sair dessa situação sozinha.

Por esse motivo, a internação é algo que pode trazer alguém de volta à sociedade. Além disso, de forma saudável e diferente do estado em que chegou.

Sendo assim, mesmo com os preços sendo muitas das vezes altos demais, a internação é um procedimento médico que salva vidas e pode mudar muitas outras.

Tipos de internação

Como já vimos, a internação de um paciente dependente químico, pode realmente mudar o estado de saúde que o indivíduo se encontra no momento.

Conheça então os 3 tipos de internação:

  • Voluntária/Involuntária;
  • Compulsória.

Internação voluntária

Esse tipo de internação ocorre quando o indivíduo percebe que o uso abusivo de substâncias químicas pode e está fazendo mal ao seu corpo.

Além disso, ele percebe que está começando a tomar atitudes fora do normal para continuar a ingerir essas substâncias, colocando em risco a própria vida de a de terceiros.

Nesse caso, juntamente com a família, o indivíduo se coloca à disposição para realizar o procedimento de internação. Depois realiza um acompanhamento do quadro de saúde para realizar o tratamento da forma correta.

Internação Compulsória

Esse tipo de internação acontece por meio de uma decisão de um juiz que foi recorrido normalmente pelos familiares do indivíduo.

Então depois de ver o quadro do paciente e a situação de saúde que ele se encontra, o juiz decide que é válido que seja feita a internação do dependente químico.

Internação involuntária

Neste tipo de internação, o dependente químico geralmente é contra a internação e os familiares optam por solicitar a internação de pacientes por motivos de perigo tanto para ele mesmo quanto para a família.

Lembrando que o familiar que pode solicitar a internação tem que obrigatoriamente ser de primeiro grau.

Além disso, é obrigatório que o nome do paciente seja encaminhado para o Ministério Público Estadual em 72h para o responsável técnico do estabelecimento.

Considerações finais

Agora que você sabe quanto custa a internação de um dependente químico e os tipos de internação que existem, pode usar isso ao seu favor e escolher uma clínica de qualidade garantida.

E nós, da Clínica Erimus Paraná atuamos à mais de 15 anos no mercado, estamos localizado na cidade de Floresta PR, Próximo a Maringá .

Então, confira o nosso site, e garanta uma clínica que realmente traga resultados satisfatórios, e consiga mudar para melhor a vida de um dependente.

Para mais informações, contate-nos:

(44) 99155-7195 / (44) 3138-2122

Deixe um comentário

Últimas notícias

Precisa de ajuda?

Ligue para nós

+55 44 99155-7195

whatsapp